Leituras de 2016

lendoContagem total do ano até o momento: 36

Categoria mais lida: Romances…

Na fila de leitura até o final do ano: 02

Veja minha estante completa na página do Skoob.

Infanto-juvenis:

Felizmente, o leite – Neil Gaiman

As aventuras de Tom Sawyer – Mark Twain

A história do Dr. Dolittle – Hugh Lofting

Ficção histórica, crônicas, biografias, cartas, ensaios, entrevistas:

A vida que ninguém vê – Eliane Brum

As pequenas virtudes – Natalia Ginzburg

Aracy de Almeida não tem tradução – Eduardo Logullo

Nu, de botas – Antônio Prata

O louco de palestra – Vanessa Barbara

Mitologia, fantasia e contos de fadas:

O oceano no fim do caminho – Neil Gaiman

O orfanato da srta. Peregrine para crianças peculiares – Ransom Riggs

Bambi – Felix Salten

Peter e Wendy – J. M. Barrie

Poesia:

Ficção científica, policiais, suspense, terror:

Vertigo (Um corpo que cai) – Boileau & Narcejac

A cidade inteira dorme – Ray Bradbury

Romances, novelas, peças, contos:

Um homem: Klaus Klump – Gonçalo M. Tavares

Macbeth – William Shakespeare

Rasif: mar que arrebenta – Marcelino Freire

Uma solidão ruidosa – Bohumil Hrabal

Caçada Russa – Flávio VM Costa

Sono – Haruki Murakami

História do Cerco de Lisboa – José Saramago

Alabardas, alabardas, Espingardas, espingardas – José Saramago

A ovelha negra e outras fábulas – Augusto Monterroso

A máquina de Joseph Walser – Gonçalo M. Tavares

A dama oculta – Ethel Lina White

O remorso de baltazar serapião – valter hugo mãe

O cheiro do ralo – Lourenço Mutarelli

O largo da Palma – Adonias Filho

A lua vem da Ásia – Campos de Carvalho

A vida invisível de Eurídice Gusmão – Marta Batalha

A cabeça do santo – Socorro Acioli

Um louco sonha a máquina universal – Janna Levi

As vantagens de ser invisível – Stephen Chbosky

O Aleph – Jorge Luís Borges

Quadrinhos:

Psicologia, história, estudos culturais, sociologia…

Histórias perversas do coração humano – Milad Doueihi

As damas do século XII – Georges Duby