“A poesia é serva da esperança”

Sua literatura se abastece desse contato com o divino? Toda arte nasce não do poder do artista, de sua crença ou ateísmo, mas de um dom e se é dom há que ter um doador. Para mim, divino. A senhora acredita em transcendência por meio da poesia? A poesia, a mais ínfima, é serva da … Continuar a ler “A poesia é serva da esperança”

Ganhei um poema de recomeço…

Na despedida do antigo emprego, ganhei o poema abaixo como incentivo... E ganhei também duas palavras que de agora em diante vão virar mantra: "serenidade e coragem"... Canto da Estrada Aberta A pé e de coração leve Eu enveredo pela estrada aberta, Saudável, livre, o mundo à minha frente, À minha frente o longo atalho … Continuar a ler Ganhei um poema de recomeço…

Resenha: Confissão

Versos na cadência do primeiro amor Confissão começou a ser escrito nos cadernos escolares de Paula Pimenta, quando ela era adolescente e registrava, em forma de versos, ou prosa poética, os encantamentos e decepções dos primeiros amores. A reedição do livro de “pré-estreia” da escritora (oficialmente ela fez seu debut literário com Fazendo Meu Filme … Continuar a ler Resenha: Confissão

Poema de aniversário

Ganhei de um amigo, via mensagem "inbox" no Facebook, para comemorar meus 39 outonos, esse poema da Viviane Mosé, com direito ao vídeo da autora recitando. Divido com outras pessoas apaziguadas, cientes e dispostas a celebrar, sem medo, sem trauma e sem neuras a passagem do tempo... Tempo... Quem tem olhos pra ver o tempo … Continuar a ler Poema de aniversário

Quem disse que poesia não vende?

Uma grata surpresa apareceu nos rankings de mais vendidos desta semana, Toda Poesia (Companhia das Letras), que reúne a obra de Paulo Leminski desde a sua estreia na poesia, em 1976, até a morte do poeta, em 1989, está entre os dez livros mais vendidos do país, figurando em listas como as das revistas Veja … Continuar a ler Quem disse que poesia não vende?

Glauco Mattoso lança seu primeiro livro infantil

O poeta e ficcionista Glauco Mattoso enveredou pelo universo da literatura infanto-juvenil e durante a 22ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo lança A Predileta do Poeta, pela editora Tordesilhinhas. O livro tem ilustrações do escritor e quadrinista Lourenço Mutarelli e conta a história da cadelinha bassê que foi companheira de infância do autor. … Continuar a ler Glauco Mattoso lança seu primeiro livro infantil

Poesia daqui e de lá

O mundo precisa de mais poesia, um fato. Aqui pelas bandas da cidade da Bahia, os jornalistas e poetas Nilson Galvão e Kátia Borges tiram do forno das ideias, respectivamente, Ocidente e Escorpião Amarelo, que terão lançamento no dia 31, próxima terça, a partir das 19h, na Confrafia do França (Rio Vermelho). Ó o convitinho … Continuar a ler Poesia daqui e de lá

Um pouco de Cecília para inspirar o domingo

"Responder a perguntas não respondo. Perguntas impossíveis não pergunto. Só do que sei de mim aos outros conto: de mim, atravessada pelo mundo. Toda a minha experiência, o meu estudo, sou eu mesma que, em solidão paciente, recolho do que em mim observo e escuto ... muda lição, que ninguém mais entende. O que sou … Continuar a ler Um pouco de Cecília para inspirar o domingo