Resenha: A varanda do frangipani (Mia Couto)

A alma se parte em duas de tanta beleza e tanta tristeza com a leitura de A varanda do frangipani, romance de Mia Couto ambientado no período logo depois da independência de Moçambique, a terra natal do autor. O cenário é a fortaleza de São Nicolau, onde funciona um asilo de idosos.  Quem narra a … Continuar a ler Resenha: A varanda do frangipani (Mia Couto)

Resenha: O demônio do meio-dia

Nomear o mal para assim, conhecendo-o, poder lutar contra ele. O demônio do meio-dia: uma anatomia da depressão, de Andrew Solomon (Companhia das Letras, 2014), não só batiza, como faz a autópsia de um dos males mais cruéis e, ainda hoje, incompreendidos, embora a notificação de casos venha aumentando no rastro da busca cada vez … Continuar a ler Resenha: O demônio do meio-dia

Eurídice Gusmão viaja o mundo

O romance A vida invisível de Eurídice Gusmão, da jornalista e escritora Martha Batalha, publicado em 2016 pela Companhia das Letras, teve os direitos de publicação vendidos para a editora árabe Dar Al Adab, para a croata Naklada Ljevak e para a chinesa Dook. O livro já teve os direitos vendidos para outros oito países … Continuar a ler Eurídice Gusmão viaja o mundo

Resenha: Claraboia (José Saramago)

Claraboia é um livro póstumo, mas foi escrito no começo da carreira literária de José Saramago. Concluído em 1953, é o segundo romance do autor, escrito logo após o lançamento da sua obra de estreia, Terra do Pecado (1947). O livro ficou perdido por décadas, após um editor recusar publicá-lo e sequer responder ao autor ou … Continuar a ler Resenha: Claraboia (José Saramago)

Editoras preparam reedições de Lima Barreto

Algumas obras do escritor e jornalista Lima Barreto serão reeditadas este ano por editoras como a Companhia das Letras, aproveitando que o autor é o homenageado da Festa Literária de Parati - Flip 2017, que acontece em julho. Pela Companhia das Letras, além de uma nova biografia, escrita por Lilia Schwarcz, chegarão às livrarias novas … Continuar a ler Editoras preparam reedições de Lima Barreto

A tecnologia a serviço da literatura

Na briga por conquistar os leitores hiperconectados da novíssima geração, acostumados a ler, navegar na internet, assistir TV, responder as questões do dever de casa e conversar nas redes sociais, tudo ao mesmo tempo, empresas especializadas em e-readers e livros digitais, em parceria com grandes editoras, investem cada vez mais em tecnologias convergentes. Dois exemplos recentes … Continuar a ler A tecnologia a serviço da literatura

Galeria de leituras carnavalescas – 2017 – Final

Hoje publico o final da série de comentários das minhas leituras de Carnaval, para quem ainda não segue o blog no Instagram (postei a maratona por lá, em tempo real). Leia também: >>Galeria de leituras carnavalescas – 2017 – Parte I >>Galeria de leituras carnavalescas - 2017 - Parte II A identidade é uma história difícil … Continuar a ler Galeria de leituras carnavalescas – 2017 – Final

Resenha: A cultura-mundo (Gilles Lipovetsky e Jean Serroy)

"Cultura-mundo significa o fim da heterogeneidade tradicional da esfera cultural e a universalização da cultura mercantil, apoderando-se das esferas da vida social, dos modos de existência, da quase totalidade das atividades humanas. Com a cultura-mundo, dissemina-se em todo o globo a cultura da tecnociência, do mercado, do indivíduo, das mídias, do consumo; e, com ela, … Continuar a ler Resenha: A cultura-mundo (Gilles Lipovetsky e Jean Serroy)