“estou querendo é que me instruam”

"Quando Sua Excelência se deitou e o Secretário pôde aproximar-se de seu rosto, Micrômegas disse: - É preciso reconhecer que a natureza é bem variada! - Sim - respondeu o saturniano - a natureza é como um canteiro cujas flores... - Ah - disse o outro - deixe seu canteiro pra lá. O Secretário recomeçou: … Continuar a ler “estou querendo é que me instruam”

Advertisement

Os vinte anos de Sofia

Em janeiro de 1991, 198 mil fãs se espremiam no Maracanã, durante o Rock in Rio II, para ver um dos fenômenos da década, a banda A-ha, vinda de Oslo (Noruega). A façanha foi parar no Guiness Book. Naquele mesmo ano, das mesmas terras geladas na Escandinávia de onde ecoavam sucessos como Take On Me, … Continuar a ler Os vinte anos de Sofia

Resenha: Além do planeta silencioso (C. S. Lewis)

Alegoria extraterrestre sobre a intolerância C. S. Lewis, autor de As crônicas de Nárnia, discute tensões políticas e sociais da Europa pré II Guerra em ficção científica Por: Andreia Santana C. S. Lewis é mundialmente conhecido graças ao sucesso no cinema das adaptações de seus contos infanto juvenis As crônicas de Nárnia. Mas o autor, … Continuar a ler Resenha: Além do planeta silencioso (C. S. Lewis)

“Crítica” para a Alice de Tim Burton

Delírios de Tim Burton no País das Maravilhas Por: Andreia Santana Tim Burton não para de me surpreender. Quando eu penso que a fórmula para filmes deliciosamente góticos e melancólicos do diretor se esgotou, ele aparece com outra surpresa tão agradável quanto a sua versão para o clássico Alice no País das Maravilhas. E aqui, … Continuar a ler “Crítica” para a Alice de Tim Burton

Cultura de aparências nesses nossos “tempos líquidos”

O sociólogo polonês Zigmunt Bauman define a época em que vivemos como a fase líquida da modernidade. A fase sólida seria aquela em que estruturas como família, comunidade, governo e religião limitariam nossas escolhas individuais, "assegurando a repetição de rotinas e padrões de comportamento aceitáveis". Na fase líquida, há uma reconfiguração de todas essas instituições, … Continuar a ler Cultura de aparências nesses nossos “tempos líquidos”

Ouça a canção do mundo

Uma das disciplinas do mestrado em Cultura e Sociedade trata da relação entre história e música, ou melhor dizendo, do quanto da história social e cultural de um povo é possível apreender através da música. Sim, queridos leitores, provavelmente, influenciada pelas novas leituras, falarei muito aqui no blog sobre música, história, identidade, gênero, etnia, contemporaneidade,  … Continuar a ler Ouça a canção do mundo

Um desafio, “gosto se discute”

Busco ser uma pessoa livre de preconceitos, na medida do possível. Mas confesso que tendo a ser implacável com as coisas das quais não gosto. Sempre acreditei que gosto se discute sim, se lapida. O que não se discute é o direito de alguém gostar de pagodão enquanto você, por exemplo, prefere a nona sinfonia.  … Continuar a ler Um desafio, “gosto se discute”

Do saudável ato de discutir…e de julgar

Guardadas todas as proporções do respeito, do jogo limpo e da transparência, o ato de discutir é o mais saudável dos praticados pelo bicho humano. Detesto brigas infundadas, discussões vazias, que não levam a nada e não ensinam lição alguma. Mas adoro o bom combate de palavras, quando não considera as questões pessoais, mas meramente … Continuar a ler Do saudável ato de discutir…e de julgar