Atividade clandestina

Ando a fotografar as flores da vizinhança. Invado os jardins alheios com a câmera do celular, porque sempre achei que mesmo quando confinada em espaços privados, a flor está ali para deleite público. Nem precisa pular o muro ou arrancar do galho, basta ver, sentir o perfume, reparar nas cores.

As flores são minhas selfies…

Sobre Andreia Santana

Nasci em Salvador-BA, tenho 42 anos, sou jornalista e master em jornalismo on line, traça de biblioteca, cinéfila, pesquisadora de literatura e redes sociais, aspirante a encantadora de palavras, vaidosa, comilona, solteira e mãe de Matheus, uma pessoa fascinante.
Esta entrada foi publicada em Fotografia com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Uma resposta a Atividade clandestina

  1. Vanice Schizzi diz:

    Andréia!

    Tão simples e tão lindo.

    Ando fazendo a mesma coisa.

    Abraço

    Vanice

    ________________________________ De: Mar de Histórias Enviado: terça-feira, 27 de setembro de 2016 02:09 Para: vanice.schizzi@hotmail.com Assunto: [Novo artigo] Atividade clandestina

    Andreia Santana posted: ” Ando a fotografar as flores da vizinhança. Invado os jardins alheios com a câmera do celular, porque sempre achei que mesmo quando confinada em espaços privados, a flor está ali para deleite público. Nem precisa pular o muro ou arrancar do galho, bast”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s