Infância de menino flor

Rosa“É possível menino flor, menino rosa? Pois decerto que sim. Sei de um, de nome João, ou melhor, João Rosa, por Joãozito conhecido de todos. Nasceu lá bem longe, no interior das Minas Gerais, numa cidade cidadica assim, Cordisburgo, nome de reino encantado, mas encantada a cidade não era. Só era mesmo um primor de lugarejo fincado no meio das montanhas, tão de repente bonito. No meio do lugarejo a igrejinha branca. Em torno da igrejinha, as casas feitas com capricho para ser lar. O pai de Joãozito tinha também nome perfumoso, Florduardo Rosa, que todos preferiam Seu Fulô por simples comodidade. A mãe Chiquitinha, se flor fosse, seria dessas miudinhas, de beira da estrada, quase miosótis na cor, chiquitinhas teimosas de se acharem sempre na primavera e por isso espalhando-se felizes demais pelos barrancos…”

A lindeza de trecho acima é de João, Joãozinho, Joãozito, do escritor Cláudio Fragata e lançamento recente do selo Galera Junior, segmento infantil do Grupo Editorial Record. O livro usa prosa poética para contar a infância de Guimarães Rosa.

Trazendo fatos reais da vida do autor de Grande Sertão: Veredas e de Sagarana, e algumas licenças poéticas, o livro narra o amor de Rosa pelos bichos, seu interesse em estudar biologia, as ingênuas brincadeiras como a de usar espigas de milho para representar carros de boi, a primeira viagem dele à capital Belo Horizonte, seu fascínio por bibliotecas, por livros e ‘causos’.

Leitura mais do que recomendada para traças de biblioteca pequenas ou grandes. Bem quero dar minha mordiscada nessas páginas <3 <3 <3

Ficha Técnica:

image005João, Joãozinho, Joãozito

Autor: Cláudio Fragata

Ilustrações: Simone Matias

Editora: Galera Junior / Record

48 páginas

R$ 49,00

Sobre Andreia Santana

Nasci em Salvador-BA, tenho 42 anos, sou jornalista e master em jornalismo on line, traça de biblioteca, cinéfila, pesquisadora de literatura e redes sociais, aspirante a encantadora de palavras, vaidosa, comilona, solteira e mãe de Matheus, uma pessoa fascinante.
Esta entrada foi publicada em Infanto-Juvenil, Literatura com as etiquetas , , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s