Literatura

Edição bilíngue nos 95 anos de O fantasma da ópera

fantasmaO fantasma da ópera, de Gaston Leroux, está completando 95 anos da primeira publicação em livro. E para comemorar a data, a editora Landmark lança o clássico em edição bilíngue português-francês. Lançada em volume único pela primeira vez em abril de 1910, a história, anteriormente, saiu em fascículos, em uma revista literária francesa chamada Le Gallois. O romance, considerado um dos clássicos do terror do início do século XX, é uma mistura de fatos históricos da Ópera de Paris, com um conto apócrifo sobre a descoberta do esqueleto de um bailarino durante a produção de O franco-atirador, de Carl Maria von Weber, em 1841.

O livro narra a história do triângulo amoroso formando pela cantora lírica Christine Daaé, o visconde Raoul de Chagny e um sinistro e obcecado gênio da música que habita os porões da Ópera de Paris. Apelando para técnicas de relato histórico, o autor conduz os leitores até os labirintos do teatro, enquanto desvenda o lado obscuro da alma humana. A figura do “fantasma” deformado e sua paixão desesperançada por Christine, ora inspira medo, ora piedade. Adaptado para cinema, teatro e tv, O fantasma da ópera também é um dos musicais mais longevos da Broadway, estando em cartaz desde 1986.

Quem é – Gaston Leroux (1868-1927) era advogado, jornalista e escritor de romances policiais, até tornar-se mundialmente famoso com O fantasma da ópera. Herdeiro de uma grande fortuna, que ele torrou sem pena, trabalhou como repórter e crítico teatral do jornal L’Écho, de Paris, tendo ainda sido correspondente internacional para o Le Matin. Leroux cobriu a Guerra Russo-Japonesa, em 1905, evento que culminaria com a Revolução Russa de 1917. Dois anos após a guerra, deixou a carreira jornalística e começou a escrever ficção. Empolgado com o cinema, tinha um projeto de transformar em filme os romances que criava. Seu primeiro livro foi O mistério do quarto amarelo (1908), cujo personagem principal era o detetive amador Joseph Rouletabille. A contribuição de Leroux para a ficção de mistério francesa é comparada à de Sir Arthur Conan Doyle, criador de Sherlock Holmes, na Inglaterra, e de Edgar Allan Poe, nos Estados Unidos. O autor faleceu em Nice, em 15 de abril de 1927, por complicações de uma cirurgia.

Ficha Técnica:

unnamedO fantasma da ópera / Le fantôme  de L´opera

Autor: Gaston Leroux

Tradução: Valter Lellis Siqueira

Editora Landmark

464 páginas

R$ 48,00

*Com informações da editora Landmark

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s