Resenhas

Resenha: Apaixonada por palavras (Paula Pimenta)

Sobre o amor e outras crônicas

Do amor e de outras histórias poderia ser um dos títulos possíveis para Apaixonada por palavras (Editora Gutemberg),primeiro livro de crônicas da escritora mineira Paula Pimenta, autora das séries juvenis Fazendo meu filme e Minha vida fora de série. A estreia nesse tipo de texto, porém, ocorreu há mais de dez anos, quando a autora colaborava no site Crônica do Dia.

A experiência como cronista fica evidente nos 55 textos escolhidos pela própria Paula Pimenta para integrar a coletânea, dentre os muitos que desaguou na internet em muitos anos. Textos pequenos, simples de ler, com um timing de blog, mas ao mesmo tempo capazes de prender a atenção dos fetichistas por papel. A boa crônica é aquela que já nas primeiras linhas pega o leitor pela mão e passeia com ele pelo resto do texto, fazendo-o enxergar pelos breves minutos em que dura a leitura, o mundo pelos olhos do autor. E ver o mundo interior de Paula Pimenta é uma rica experiência.

O amor é a tônica principal dos textos dessa geminiana que se formou em publicidade e música. Mas o lado cidadã também aparece em textos inspirados sobre a nossa relação com a tecnologia e as comodidades da vida moderna como a eletricidade; sobre o luto, seja na perda da cachorrinha de estimação ou de um amigo morto precocemente aos 30 anos; sobre timidez ou sobre as crianças fazendo malabarismo nas sinaleiras. Que Paula Pimenta é uma alma sensível ninguém nega, basta ter acompanhado seus livros anteriores. Mas nessa obra, mais adulta, mais confessional, ela realmente nos mostra que a delicadeza é um traço de personalidade incorporado à sua escrita.

Os textos sobre amores realizados, frustrados ou platônicos lembram Martha Medeiros, não à toa, cronista de quem Paula Pimenta é fã. Mas remetem também aos artigos de Lia Luft e de Marina Colasanti, prova de que como leitora, a autora de Apaixonada por palavras faz o dever de casa com esmero. O estilo é próprio, Paula Pimenta não imita os autores que alimentaram desde a infância sua avidez por conhecimento, mas ela está impregnada de boas referências e isso não tem como esconder, para sorte dos leitores.

Aos apaixonados de plantão, o livro de crônicas, desses de ler numa sentada, será puro deleite, com frases singelas, dessas que descomplicam as questões do coração, que a gente tem tanto a mania de complicar. E para os amantes de uma boa crônica do cotidiano, o livro também reserva surpresas interessantes, como a engraçada história de Paula Pimenta tentando superar a timidez para tirar uma “garota folgada” do seu assento no avião.

Nem tudo o que a autora defende no livro vai encontrar eco entre os leitores e a própria Paula admite, na apresentação da obra, que mudou seu modo de pensar em alguns pontos, desde a publicação dos primeiros textos até agora. Mas ela também diz que não quis editar os próprios escritos, quis mostrar aos leitores como ela era, o que pensava e o que defendia há 10/12 anos atrás.

Essa sinceridade da autora consigo mesma e com seus leitores soma muitos pontos positivos ao livro e demonstram ainda que como todo apaixonado, não apenas pelas palavras, mas pela vida, Paula Pimenta não teme o desafio diário de tentar, errar e acertar.

Ficha Técnica:

Apaixonada por palavras

Paula Pimenta

160 páginas

Editora Gutemberg (Grupo Editorial Autêntica)

Preço: 31,90

*Resenha também publicada em Luz sobre a escrivaninha

**Leia um trechinho da obra aqui

Anúncios

1 thought on “Resenha: Apaixonada por palavras (Paula Pimenta)”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s