Música

Música para meus ouvidos: Cats in the cradle

Atualização do post: Fui pesquisar em tio Google. A música é mesmo de Harry Chapin, um rock com pegada folk, de 1974. Qualquer semelhança com o ano em que eu nasci não é mesmo mera coincidência. Tampouco é por acaso que gosto tanto. Tem um missing father na minha vida também.

A primeira vez que ouvi Cats in the cradle foi na versão do Guns n´Roses, uma das bandas que tocavam muito em casa na adolescência e que eu ainda ouço. Nem é por “síndrome de peter pan” que ouço sempre as mesmas canções com uma variação aqui e outra ali e poucas novidades entremeadas, mas porque acredito que música não tem idade. E quando acordo com uma determinada martelando o juízo, preciso ouvir até cansar. Fui ao Youtube buscar e me deparei com outra versão, mais antiga, de Harry Chapin. Gostei, tem uma pegada mais leve que a do Guns, mas a melancolia da letra permanece. Não sei se a música é originalmente dele, acredito que sim. Se alguém souber, avisa aí nos comentários. Quem não conhecia, divirta-se. Quem conhece, relembra. Posto as duas versões, além da letra:

Versão de Harry Chapin:

E aqui a versão do Guns, que minha irmã ouvia até furar:

E a letra, para quem quiser, cantar junto…

Cats In The Cradle & The Silver Spoon

My child arrived just the other day
Came to the world in the usual way
But there were planes to catch and bills to pay
He learned to walk while I was away
He was talkin’ ‘fore I knew it
And as he grew he said,
‘I’m gonna be like you, Dad,
You know I’m gonna be like you.’

Chorus
And the cat’s in the cradle and the silver spoon,
Little boy blue and the man ‘n the moon.
‘When you comin’ home?’
‘Son, I don’t know when. We’ll get together then.
You know we’ll have a good time then.’

Well, my son turned ten just the other day.
He said, ‘Thanks for the ball, Dad. Come on, let’s play.
Could you teach me to throw?’
I said, ‘Not today. I got a lot to do.’
He said, ‘That’s okay.’ And he walked away and he smiled and he said,
‘You know, I’m gonna be like him, yeah.
You know I’m gonna be like him.’

Chorus

Well, he came from college just the other day,
So much like a man I just had to say,
‘I’m proud of you. Could you sit for a while?’
He shook his head and he said with a smile,
‘What I’d really like, Dad, is to borrow the car keys.
See you later. Can I have them please ?’

Chorus

I’ve long since retired, my son’s moved away.
I called him up just the other day.
‘I’d like to see you, if you don’t mind.’
He said, ‘I’d love to, Dad, if I could finnnnd the time.
You see my new job’s a hassle and the kids have the flu,
But it’s sure nice talkin’ to you, Dad.
It’s been sure nice talkin’ to you.’
And as I hung up the phone it occurred to me,
He’d grown up just like me.
My boy was just like me.

Chorus

Anúncios

Uma opinião sobre “Música para meus ouvidos: Cats in the cradle”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s