A última doença de psicopatas disfarçados de estudantes universitários: “rodeio de gordas”!

Provavelmente vai ter alguém achando que este post é só o desabafo de uma gordinha magoada e ressentida. Mas passa longe disso. Antes, é sim, um desabafo, mas de uma pessoa que acredita no respeito às diferenças e que abomina a prática de assédio moral, bullying, pirraça, brincadeira de mau gosto, piada sem graça, trote … Continuar a ler A última doença de psicopatas disfarçados de estudantes universitários: “rodeio de gordas”!

Resenha: A trilogia do amor

O amor que esvazia-se e vive apenas do desejo, aquele que só se realiza na fantasia e o que se completa mesmo à distância por laços de afeto que não excluem nem o desejo e nem a fantasia. Definir o amor é pretensão, mas a psicanalista e escritora Betty Milan, com a experiência em falar … Continuar a ler Resenha: A trilogia do amor

Resenha: Vó

Este eu li "numa sentada", como se diz, e resenhei por nostalgia e deleite... Saudades da infância e da minha avó Andreia Santana Saído das tirinhas de HQ, esse pequeno libelo do cartunista João Galvão à sua avó bem pode ser estendido para todas as avós do mundo. Lembrei da minha em muitas das situações … Continuar a ler Resenha: Vó

Gratidão…

"Optei pela saída que outrora tanto teria me custado. Agradeci-lhe com todas as fórmulas de cortesia. Senti necessidade de me revestir de ritos, recuperar o que fazia de mim um ser humano civilizado, moldado por uma educação que se inscrevia numa cultura, numa tradição, numa história. Mais do que nunca, sentia a necessidade de me … Continuar a ler Gratidão…

Resenha: O Cordeiro

“Evangelho” pop para rir... e refletir Andreia Santana Sempre desconfiei de que a versão “extraoficial” da vida de Jesus era bem mais interessante, e divertida, do que a oficial das aulas de catecismo. Vai ver, inclusive, o escritor Christopher Moore tinha mesmo a intenção de exorcizar o trauma das suas lições de religião ao criar … Continuar a ler Resenha: O Cordeiro

Um pouco de amor aqui…uma fantasia ali

"Quem prescinde do faz de conta? Nem os personagens, nem os homens e nem os deuses. Zeus então não se converte num touro branco para evitar a fúria de Hera e fascinar Europa, que era bela como o dia? Não toma a forma de Apolo para seduzir Calisto, afastá-la assim do cortejo de Ártemis? Qualquer … Continuar a ler Um pouco de amor aqui…uma fantasia ali

3 x mães e filhos

Cena 1 "Você pisou em cocô de cachorro, menino! Mas será possível que não olha por onde anda? Tira o tênis! Anda, tira logo isso aí..." O som de buzina, no trânsito intenso, pré hora do rush, abafa a bronca da mãe. O menino, sentando no meio fio, na calçada onde fica o ponto de … Continuar a ler 3 x mães e filhos

Ecos de uma escola que já não é a mesma

Viajava em um ônibus esta semana e no banco de trás, duas estudantes adolescentes falavam do meu antigo colégio, o Raphael Serravale. Cursei o ginásio (atual ensino fundamental II) nessa escola pública (sempre estudei em escolas públicas, até a faculdade). Lembro que na ocasião, foi um sacrifício conseguir vaga. Uma tia acordou de madrugada para … Continuar a ler Ecos de uma escola que já não é a mesma