461 anos de Salvador: sobre o mestre Luís Dias

Nesta segunda-feira, Salvador comemora 461 anos de fundação. Ano passado, fiz alguns posts falando do aniversário da cidade e, com base em documentos históricos, contei a origem de Salvador, a sua importância para o processo de colonização do Brasil e também escrevi sobre Thomé de Souza, o famoso primeiro governador geral. Este ano, não pretendia … Continuar a ler 461 anos de Salvador: sobre o mestre Luís Dias

Um trecho de Orgulho e Preconceito

Tenho o hábito de emendar livros do mesmo autor, criando uma sequência exploratória da obra completa (ou do quanto eu puder ler) e assim, tento apreender o mundo deste escritor. Minha investigação da vez é Jane Austen, que começou com uma tarefa do trabalho, mas tornou-se um grande prazer retomar algumas obras que eu conhecia … Continuar a ler Um trecho de Orgulho e Preconceito

Resenha: Razão e Sensibilidade

A reportagem que iria preparar sobre a obra de Jane Austen sofreu algumas mudanças e foi abortada na sua concepção original. Mas, como foi muito bom relembrar o mundo peculiar da escritora, publico abaixo resenha que escrevi para Razão e Sensibilidade. As fotos que ilustram o texto são do filme homônimo, dirigido por Ang Lee, … Continuar a ler Resenha: Razão e Sensibilidade

“Se eles querem meu sangue”

Acordei em busca da versão de Nando Reis para The Harder They Come, música de Jimmy Cliff homônima a um filme jamaicano de 1972, que no Brasil recebeu o nome de Balada Sangrenta. O filme é protagonizado por Jimmy Cliff, que vive um rapaz pobre do interior que decide tentar a vida como cantor em … Continuar a ler “Se eles querem meu sangue”

Igualmente às voltas com Noel Rosa

Ando pesquisando há algum tempo as letras de Noel Rosa sobre mulheres para um artigo da faculdade. E, no meio da garimpagem, achei essa letra abaixo, que me lembrou Chico Buarque. Cabe muita interpretação, muita análise e quando o artigo ficar pronto, salvo lá no Issu.com e coloco o link aqui para os interessados. Por … Continuar a ler Igualmente às voltas com Noel Rosa

Às voltas com as mulheres de Jane Austen

- "Elinor - exclamou Marianne - acha que está sendo justa? Será que tenho poucas ideias? Porém, entendo o que disse. Fiquei muito à vontade, muito feliz, muito franca. Estive em falta com toda a noção comum de decoro, fui aberta e sincera, quando deveria ter sido mais reservada, desanimada, tola e hipócrita. Se tivesse … Continuar a ler Às voltas com as mulheres de Jane Austen

Por dentro da literatura “cor-de-rosa”

Vencer os próprios preconceitos é um dos maiores estágios evolutivos que uma pessoa pode alcançar. Quanto menos preconceituosos nos tornamos, menos intolerantes seremos e mais propensos a exercitar a aceitação das diferenças. Nossos olhos se abrem para admirar a diversidade do mundo. E graças a Deus que ele é ricamente diversificado, senão seria um tédio … Continuar a ler Por dentro da literatura “cor-de-rosa”

Sobre novas chances…

Às vezes, tudo o que a gente precisa é que alguém nos olhe bem fundo nos olhos e diga: "Você é capaz". Por e-mail a vibe também serve e é o que basta para nos fazer carregar um quilo extra, mesmo quando já estamos sobrecarregados das tantas tarefas diárias. Depois de receber uma dose de … Continuar a ler Sobre novas chances…