Cultura de aparências nesses nossos “tempos líquidos”

O sociólogo polonês Zigmunt Bauman define a época em que vivemos como a fase líquida da modernidade. A fase sólida seria aquela em que estruturas como família, comunidade, governo e religião limitariam nossas escolhas individuais, "assegurando a repetição de rotinas e padrões de comportamento aceitáveis". Na fase líquida, há uma reconfiguração de todas essas instituições, … Continuar a ler Cultura de aparências nesses nossos “tempos líquidos”

Interferência da mãe de Camila no diário

Oi Diário, Sou a mãe da Camila. Encontrei o PC aberto e tou horrorizada com as coisas que essa menina pensa de mim, meu Deus do Céu, ditadora?! Logo eu, que como dizem os colegas dela sou uma mãe "bróder"! Mas vou esclarecer umas coisinhas aqui: 1 - Camila realmente está reclamando horrores do aparelho, … Continuar a ler Interferência da mãe de Camila no diário

Diário de uma aparelhada – III

Querido Diário, Em primeiro lugar, foi mal ter ficado tanto tempo sem falar com você, mas é que a adaptação ao aparelho foi difícil no primeiro mês. Depois de colar os tais dos braquetes, chegou o dia de passar o araminho que vai puxar as presas tortas para o lugar. Amaldiçoei a genética, mas minha … Continuar a ler Diário de uma aparelhada – III

Lembranças do Admirável Mundo Velho

Nesta sexta-feira, o Caderno 2+ de A TARDE publica a resenha que fiz sobre o livro Admirável Mundo Velho, do mineiro Alberto Villas. Li o livro em exatas 24 horas, porque é daqueles de pegar  e não largar enquanto não chegamos ao the end. A narrativa é ágil, gostosa e envolvente, como boas histórias contadas … Continuar a ler Lembranças do Admirável Mundo Velho