Um trecho de Nietzsche, também para refletir

Ando devendo a vocês posts mais leves, cinematográficos, e também mais alguns capítulos das aventuras do Príncipe Rajá. Mas, enquanto isso, as descobertas dos últimos dias têm me deixado, digamos, filosófica. Abaixo, trecho de um texto de Nietzsche que retirei do livro O Atlântico Negro, de Paul Gilroy. A leitura da vez na minha busca … Continuar a ler Um trecho de Nietzsche, também para refletir