Cinema

Filmes on vacation: Três vezes Johnny Depp

Começo hoje a série on vacation, sobre os filmes vistos ou revistos nestas férias. Para fazer o abre alas, ou avant premiére, usando um termo bem cinematográfico, três produções protagonizadas pelo Johnny Depp e que eu ainda não tinha visto por falta de oportunidade ou preguiça. Confesso que não são os mais importantes da vasta filmografia do ator e, para dizer a verdade, também não são os melhores, embora tenha um Polanski no meio. Particularmente, gosto de Johnny Depp e dos seus personagens outsider. Sou mesmo fã da parceria Depp/Tim Burton. Mas, não é porque o rapaz é bom ator que de vez em quando não escorregue celuloide abaixo. Ninguém é perfeito, nem Glen Close e Maryl Streep, musas por excelência. Zapeando pelo vasto universo dos canais fechados (confesso gente, é brinquedo de criança grande! Sabem como é o ditado, quem nunca comeu melado…) encontrei o incansável Johnny em:

A Janela Secreta

janela-secreta07Neste filme, Depp vive o escritor Mott Rainey, em crise criativa e com uma depressão profunda após descobrir que era traído pela esposa. Em retiro numa casa de campo, o autor tem de enfrentar um sujeito obsessivo, quase psicopata, vivido por John Turturro (de Barton Fink) que acusa Mott de ter plagiado um conto seu. O filme é uma tentativa malfeita de misturar suspense e terror psicológico. Um escritor que enfrenta demônios internos e tenta reencontrar a criatividade perdida, o ato sofrido e quase insano de criar personagens, a própria questão do plágio – praticado por Mott no início da carreira. Mas, o filme fica só na promessa, o que é bem frustrante. É suspense ruim e psicologia ainda pior. A interpretação de Johnny Depp é bem burocrática, bate o cartão de ponto e só. O diretor, David Koepp, tem filmografia irregular e atuação mais frequente como roteirista, igualmente irregular.  Alguns dos filmes que assinou o roteiro e/ou direção podem ser considerados blockbusters, mas eu não morro de amores pela maioria: Homem-Aranha – roteiro – é legal; Guerra dos Mundos – roteiro – é horrível; Missão Impossível – roteiro – é bem bacana;  Cidade Fantasma – direção e roteiro – não me fala ao coração; Ecos do Além – direção e roteiro – sem comentários; Indiana Jones no Reino da Caveira de Cristal – roteiro, podia ser bem melhor. E por aí vai…

Ficha técnica – para quem tem complexo de São Thomé:

janela-secretaA Janela Secreta (Secret Window)
Gênero: Suspense
Tempo de Duração: 106 minutos
Ano de Lançamento (EUA): 2004
Direção: David Koepp
Roteiro: David Koepp, baseado em livro de Stephen King
Elenco: Johnny Depp, John Turturro, Maria Bello, Timothy Hutton…

Chocolate

chocolate03O filme é uma delícia, no sentido de comestível mesmo. Primeiro porque sou chocólatra, segundo porque gosto de Juliette Binoche e também me agradam as historinhas que envolvem culinária, receitas secretas, desejos escondidos e uma espécie de magia que só quem aprecia cozinhar, e comer lógico, entende como funciona. No entanto, gosto muito mais de Como água para chocolate, do mexicano Alfonso Arau. Esse sim, é genial e inesquecível. Já o Chocolate de Lasse Hallström é um passatempo gostoso que se dá ares de grande importância como cinema de arte, mas não é nada disso. Serve para estimular os sentidos. Como devorar uma caixa de bombons, depois que mata a vontade, passa. O elenco é muito bom e os atores se envolvem na história, se entregam, mas…falta alguma coisa.  O que gostei nesse filme foi da cumplicidade feminina dentro e fora da cozinha e do fetiche de que todas nós, mulheres, somos bruxas misturando delícias nos nossos caldeirões. Mesmo parecendo lugar comum, tenho uma quedinha pelas bruxas. Quanto ao Johnny Depp, que desperdício! Porque neste filme o ator é apenas o par romântico de Juliette Binoche. Podia ser qualquer bonitinho de Hollywood, não faria assim tanta diferença. O que é uma pena, porque Depp tem bem mais para dar como ator do que ser um bonitinho…

Ficha técnica para quem gosta de Sessão da Tarde:

ChocolateChocolate
Gênero: Comédia dramática
Tempo de Duração: 105 minutos
Ano de Lançamento (EUA): 2000
Direção: Lasse Hallström
Elenco: Juliete Binoche, Lena Olin, Johnny Depp, Judi Dench, Alfred Molina

O último portal

ultimoportal2Por levar a assinatura de Roman Polanski, imaginei que O último portal seria um filme interessante, instigante e, a exemplo de O bebê de Rosemary, não me deixaria dormir. Ledo engano. É um Polanski apenas mediano e ainda assim, recomendo só para fãs xiitas do diretor, que devotaram a vida a assistir toda a sua filmografia. Se você não se enquadra nesta descrição, escolha outros filmes dele, como o já citado O bebê de Rosemary, A dança dos vampiros, O pianista e até o delicado e tristonho Oliver Twist, mas pule O último portal. Johnny Depp vive uma espécie de “caçador” de livros raros que se vê envolvido numa misteriosa busca por um livro que teria sido escrito por Lúcifer, em pessoa. Mais uma vez, lamento dizer – se você é muito fã do ator – mas ele está batendo ponto, parece não levar muita fé no seu personagem, não ver sentido na história, a interpretação está ruim até para cumprir tabela. O filme como um todo não engrena. Nem o fato de ser Polanski salva a fita. Para começar, não tem a marca do diretor, aquela melancolia que se traduz em uma câmera que desliza pelas cenas feito um gato, ao mesmo tempo leve e aterrador, como se por trás de cada poste, de cada janela, um grito ficasse preso na garganta, ou uma vontade de chorar por dores profundas como nos seus filmes dramáticos. Só dá para saber que é de Polanski porque seu nome aparece nos créditos iniciais…

Ficha técnica para os fãs xiitas

ultimo portalO último portal
Gênero: Suspense
Tempo de Duração: 127 minutos
Ano de Lançamento (EUA): 1999
Direção: Roman Polanski
Elenco: Johnny Depp, Frank Langella, Lena Olin…

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s