“Há algo de podre” na atmosfera de Salvador

Hamlet entende disso melhor que eu, pois já farejava algo de pobre no reino da Dinamarca em tempos remotos. Mas a verdade é que o efeito estufa, o excesso de automóveis nas ruas, os esgotos a céu aberto e o lixo acumulado em cada esquina - a cidade está imunda, basta andar de ônibus para … Continuar a ler “Há algo de podre” na atmosfera de Salvador

As mil e uma aventuras do príncipe Rajá: a carta

Carta do príncipe Rajá aos pais   “Queridos papai e mamãe, Não se preocupem comigo. Deixo a Cidade de Ouro e Prata só por alguns dias para conhecer o mundo aqui fora e para aprender sobre seus perigos e ciladas. Como vocês dois esperam que eu seja um bom e justo rei, se tudo o … Continuar a ler As mil e uma aventuras do príncipe Rajá: a carta

As mil e uma aventuras do Príncipe Rajá – VII

VII – Aprendiz de hipnotizador Rajá estava sentado na sua pedra favorita. Era uma pedra redonda e lisa, meio rosada e que ficava às margens de um dos lagos da Cidade de Ouro e Prata. Jogava migalhas de pão para os peixes. Estava tão distraído que nem percebeu a chegada do tio Islamal. Sorrateiro como … Continuar a ler As mil e uma aventuras do Príncipe Rajá – VII

As mil e uma aventuras do Príncipe Rajá – VI

VI – O plano de Islamal   O problema dos pensamentos, principalmente dos pensamentos que não são muito bons, é que quando eles são pensados perto de um mago malvado, podem se tornar realidade. Islamal era muito malvado e o pensamento de Rajá sobre hipnotizar o rei Paxá e a rainha Isdora não era o … Continuar a ler As mil e uma aventuras do Príncipe Rajá – VI