Literatura, Poesia

Crisálida

Da Série Migrações

Menino pequeno, de grandes sonhos
Sonhos que não cabem nesse menino
E bondosamente, ingenuamente
pela casa espalhados, em ecos de cristal
crescem os sonhos e esperam
que o menino também cresça
e quando homem se tornar
nunca deixe de sonhar.

Para Matheus

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s